Assistindo a entrevista de Brett Hawke com Marcelo Chierighini em seu PodCast, o treinador australiano mencionou o constante número de atletas testando positivo na natação brasileira. Inicialmente, me veio um sentimento de defesa, mas logo em seguida fiz as contas, consultei algumas fontes e conclui, é verdade!

Foram seis nadadores de Seleção Brasileira que testaram positivo no período pós-Rio 2016 antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Seis nadadores, num universo como da natação brasileira, não é muito, mas considerando que todos são de seleção, o número é bem preocupante.

Diferentes substâncias, diferentes situações, e até mesmo diferente suspensões. De 2016 para cá, Thiago Simon, Henrique Martins, Henrique Rodrigues, Henrique Figueirinha, Gabriel Santos e agora André Calvelo testaram positivo para alguma substância proibida pela WADA. Dos seis, Figueirinha foi apenas advertido, Santos foi absolvido e Calvelo ainda aguarda o julgamento.

Mas seis, e todos de seleção, é muito!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *