Autor • Alex Pussieldi direto de Omaha
Fonte • Best Swimming

USA Swimming

Logo do USA Olympic Trials 2012

 

400 medley masculino –

O maior duelo do USA Olympic Trials já havia acontecer na primeira prova. Michael Phelps raspou o bigode e volta a nadar a prova que havia anunciado que nunca mais nadaria.

Aliás, a promessa foi nos Jogos Olímpicos de Beijing quando venceu a prova estabelecendo novo recorde mundial (4:03:84). O recorde se mantém até hoje, a promessa não.

Phelps voltou a nadar nas eliminatórias do Pan Pacífico em 2010, mas em péssima forma fez 4:15:38 terminando em quarto lugar, com dois americanos a sua frente e acabou desistindo da final B.

Levou mais dois anos para Bob Bowman convencer Phelps a voltar a prova. Este ano, ele nadou três vezes. Em janeiro no GP de Austin (4:16:95) em março no GP de Indianápolis (4:12:51) e em junho numa competição no Texas (4:15:88).

Phelps quer ser o primeiro tri campeão do mundo na prova e vai nadar ela na abertura do Trials no super duelo esperado contra Ryan Lochte.

São 12 séries na prova onde Lochte nada na última série. Na anterior, Tyler Clary, e Phelps vai na 10a série. O confronto mesmo acontece na final.

Surpresa pela saída de Connor Dwyer que deve concentrar tudo nos 400 livre.

 

100 borboleta feminino –

Dana Vollmer tem o segundo melhor tempo do mundo este ano. Aparece balizada com a sua melhor marca de 56:47 e é a grande favorita para nadar a prova que mais gosta de nadar. Christine Magnusson com 57:32 é também grande favorita para a segunda vaga. Serão 17 séries com 12 nadadoras com marcas abaixo do um minuto.

Natalie Coughlin está na última série ao lado de Vollmer e pode ser uma surpresa.

 

400 livre masculino –

Se a entrada de Phelps nos 400 medley não foi uma surpresa, a manutenção de Ryan Lochte nos 400 livre esta foi. Ele está balizado na raia 9 (serão utilizadas 10 raias para as eliminatórias) da 11a série. Lochte aparece balizado com 3:55:50 e se não aparecer para nadar a multa será de 200 dólares.

O melhor tempo da prova é o companheiro de treino de Lochte, Peter Vanderkaay que está balizado com 3:44:83. São 12 séries e para quem quiser chegar a final vai ter de nadar na casa dos 3:50 ou menos.

Charlie Houchin que nadou pelo Minas no Troféu Maria Lenk aparece com o terceiro tempo da prova com 3:47:98.

 

400 medley feminino –

Duas ausências sentidas: Ariana Kukors que deve concentrar tudo nos 200 medley e Katie Hoff que vai focar nas provas de livre.

Elizabeth Beisel, atual campeã mundial, aparece com o tempo feito em Shanghai 4:31:78. A atual campeã do NCAA Caitlin Leverenz com 4:35:60 é o segundo tempo no balizamento. São 13 séries na disputa.

 

100 peito masculino –

15 séries para a última prova do dia e Brendan Hansen com 1:00:08 aparece balizado com o melhor tempo. Para chegar a semifinal a marca esperado é na casa dos 1:01 alto. São 18 nadadores abaixo do 1:02 no balizamento. 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *