Terceiro e penúltimo dia da Seletiva na Argentina, Macarena Ceballos quebrou o seu próprio recorde nacional dos 100 metros borboleta marcando 1:00.51. O novo recorde quebra a marca anterior dela feita em dezembro, na primeira Seletiva, de 1:00.82. Na prova de ontem, Ceballos fez os parciais de 28.07 e 32.44 para o novo recorde nacional 1:00.51.

A prova de melhor nível técnico, entretanto, foi nos 1500 metros nado livre feminino, onde Delfina Pignatiello nadou abaixo do índice olímpico (16:32.04) e outras duas nadadoras também fizeram marcas expressivas. Pignatiello é recordista sul-americana da prova (15:51.68) e venceu ontem marcando 16:26.80. Na sequência, Delfina Dini em segundo com 16:42.81 e Anna Huusman em terceiro 16:49.92.

Veja todos os vencedores de prova do terceiro dia de competição:
1500 livre masculino – Martin Carrizo 15:40.96
1500 livre feminino – Delfina Pignatiello 16:26.80
100 borboleta masculino – Robert Strelkov 54.97
100 borboleta femininio – Macarena Ceballos 1:00.51
200 costas masculino – Juan Mendez 2:01.82
200 costas feminino – Magdalena Portela 2:22.25
50 peito masculino – Gabriel Morelli 28.88
50 peito feminino – Martina Barbeiro 32.64

Link com os resultados completos:
http://www.fenaba.org.ar/documents/resultados/Segundo-Selectivo-2021/

Competição termina hoje em Buenos Aires e na próxima semana a CADDA, Confederação Argentina de Desportos Aquáticos anuncia a Seleção Nacional para o Sul-Americano em março no mesmo local.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *