A única medalha da natação paralímpica do Brasil no quarto dia de competição veio na última prova da etapa, o revezamento 4×100 metros nado livre misto S14. Era uma medalha que foi trabalhada demais neste ciclo, uma evolução enorme dos nadadores da classe intelectual e era sabido que seria difícil. E foi.

A equipe de Gabriel Bandeira, Ana Karolina Soares, Debora Borges Carneiro e Felipe Caltran Vila Real terminou com a medalha de bronze e com novo recorde das Américas 3:51.23. Prova vencida pela Grã-Bretanha fazendo novo recorde mundial com 3:40.63, prata para a Austrália.

O Brasil chegou em quarto lugar, mas o time do Comitê Olímpico Russo foi desclassificado pois a terceira nadadora Olga Poteshkina ficou na água e tocou a borda antes de Valeriia Shabalina fechar a prova.

 

Gabriel Bandeira

 

Um dos grandes destaques da disputa foi a abertura do revezamento por Gabriel Bandeira nadando para 51.11 abaixo do recorde mundial da prova dos 100 livre classe S14 que é do britânico Reece Dunn com 51.52 de 2019. Por ser um revezamento misto, assim como na natação olímpica, tempos em provas de revezamentos mistos não podem contar como recordes. E foi uma grande disputa.

Dunn abriu os primeiros 50 metros com 24.79 contra 25.08 de Gabriel Bandeira. Na volta, melhor para o brasileiro 26.03 contra 26.33 de Dunn. Bandeira 51.11 e 51.15 de Dunn. Como a prova dos 100 livre S14 não é disputada na Paralimpíada, Dunn e seus 51.52 ainda vão sobreviver como recorde mundial da distância.

 

 

Vencedores e brasileiros na etapa de sábado em Tóquio
100 peito SB6 masculino – Yevehenii Bohodaiko da Ucrânia 1:20.13
100 peito SB6 feminino – Maisie Summers-Newton da Grã-Bretanha 1:32.34 recorde paralímpico
100 livre S10 masculino – Maksym Krypak da Ucrânia 50.64
4o Philipe Rodrigues do Brasil 52.04
100 livre S10 feminino – Aurelie Rivard do Canadá 58.14 recorde mundial
150 medley SM4 masculino – Roman Zhdanov do Comitê Russo 2:21.17
150 medley SM4 feminino – Yu Liu da China 2:41.91
8o Susana Schnarndorf do Brasil 3:11.54
150 medley SM3 feminino – Jesus Hernandez do México 2:56.99
100 costas S11 masculino – Mykhailo Serbin da Ucrânia 1:08.63
100 costas S11 feminino – Liwen Cai da China 1:13.46 recorde mundial
200 medley SM8 masculino – Denys Dubrov da Ucrânia 2:20.96
200 medley SM8 feminino – Jessica Long dos Estados Unidos 2:41.49
100 peito SB5 masculino – Andrei Granichka do Comitê Russo 1:25.13 recorde mundial
7o Roberto Alcalde Rodriguez do Brasil 1:36.75
100 peito SB5 feminino – Yelyzaveta Mereshko da Ucrânia 1:40.59
Revezamento 4×100 livre S14 misto – Grã-Bretanha 3:40.63 recorde mundial
3o Brasil 3:51.23 recorde das Américas
Gabriel Bandeira 51.11
Ana Karolina Soares de Oliveira 1:01.88
Debora Borges Carneiro 1:03.49
Felipe Caltran Vila Real 54.75

Link dos resultados completos:
https://olympics.com/tokyo-2020/paralympic-games/en/results/swimming/paralympic-schedule-and-results-date=2021-08-28.htm

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *