A segunda etapa da Copa do Mundo acontece a partir de quinta-feira em Budapeste, na Hungria. A Duna Arena terá um bom público, será a primeira competição da FINA com presença de espectadores, e estará recheada de atrações.

Além das 34 provas, disputadas de quinta a sábado, em três dias de eliminatórias e finais, reunindo alguns dos melhores nadadores do mundo, a Copa do Mundo de Budapeste terá uma homenagem a um dos maiores nadadores de todos os tempos da Hungria.

Laszlo Cseh, 35 anos de idade, que disputou em Tóquio a sua quinta Olimpíada e ainda chegou a final terminando na sétima colocação, irá participar da prova dos 100 metros medley, a sua última prova da carreira. O evento será marcado com uma série de homenagens e atendimento aos fãs.

Outra atração organizada pela Federação Húngara de Natação foi reconhecer toda a classe de linha de frente no combate a Pandemia. Médicos, enfermeiros, policiais, bombeiros e outros servidores sociais que tanto trabalharam nestes dois últimos anos terão um torneio deles a ser disputado na piscina principal da competição.

Não é a primeira vez que a Copa do Mundo de Budapeste faz eventos paralelos. Em 2018, uma grande homenagem foi feita ao nadador de Guiné Equatorial Eric Moussambani e no ano seguinte um torneio envolvendo músicos locais.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *