Uma das maiores evoluções na velocidade masculina do Brasil, Victor Alcará, nadador que ficou em terceiro lugar nos 50 livre na Seletiva Olímpica em abril foi o maior destaque da Tomada de Tempo do Corinthians marcando 22.20. O tempo é a sua terceira melhor marca na carreira, só perde para os 22.04 que ele fez na eliminatórias para os 22.07 da final. Alcará nada na casa dos 22 segundos desde dezembro de 2018 e desde então nadou 19 vezes abaixo dos 23 segundos.

Nos 50 livre masculino do Brasil, as nove melhores marcas do ano pertencem a Bruno Fratus, todas abaixo dos 21 segundos. O Brasil não tem um segundo nadador quebrando os 22 segundos desde Pedro Spajari em abril de 2018.

Veja aqui os resultados da Tomada ade Tempo do Corinthians:

https://www.aquaticapaulista.org.br/arquivos/2021/20211009090637.pdf

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *