Um ouro, dois bronzes foi o saldo da campanha do Brasil no Campeonato Mundial de Piscina Curta em Abu Dhabi. Se comparados a campanha de 2018 (8 medalhas e 2 ouros) ou 2014 (10 medalhas e 7 ouros) é bastante inferior, mas a comparação adequada deve ser feita com os Mundiais de Curta feitos em ano olímpico e no final da temporada como é o atual formato desde 2012.

2021, Abu Dhabi, 3 medalhas, 1 ouro, 2 bronzes
2016, Windsor – 3 medalhas, 1 ouro, 1 prata, 1 bronze
2012, Istambul – 3 medalhas, 1 ouro, 2 bronzes

Campanha do Brasil em Abu Dhabi em números:

3 medalhas
1 ouro Nicholas Santos 50 borboleta
2 bronzes João Gomes Jr. e revezamento 4×200 livre masculino

10 finais

5 melhoras de tempo
Giovanna Diamante 100 e 200 borboleta
Nathalia Almeida 400 medley
Gabriel Fantoni 50 costas
João Luiz Gomes Jr. 50 peito

3 respostas
  1. Sérgio
    Sérgio says:

    Olá,
    gostaria de ler uma análise acerca da performance dos brasileiros nesse mundial. Seria muito útil uma comparação com campanhas brasileiras e campanhas vencedoras de outros países desde 2016.
    Obrigado.
    Sucesso em 2022 a todos !!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *