Os dois próximos Campeonatos Mundiais dos Esportes Aquáticos terão período de disputa fora do padrão tradicional do calendário internacional e podem gerar possíveis ausências na competição. Isso começa este ano com a disputa do Campeonato Mundial de Fukuoka, marcado para 13 a 29 de maio, os australianos são os primeiros a anunciar uma possível ausêncai de alguns nadadores.

Quem anunciou foi o próprio Head Coach da Seleção Australiana Rohan Taylor que está dando prioridade total da preparação para Paris 2024, mas oferece a oportunidade para os principais nadadores abrirem mão de disputar o Mundial e focarem suas preparações para o Commonwealth Games que está marcado para Birmingham, em julho.

O próximo Mundial dos Esportes Aquáticos após Fukuoka, será em Doha, no Catar, em 2023. Por conta das condições climáticas locais a competição será disputada em novembro conforme anúncio feito há duas semanas pelo Comitê Olimpico da Ásia.

Doha tem temperaturas altíssimas durante o ano todo e ainda piores durante o período tradicional de disputa do Mundail, entre julho a setembro. Estas mudanças de calendário para eventos em Doha já aconteceram nos Jogos da Ásia de 2006 que foram em dezembro e irão voltar a acontecer este ano com a Copa do Mundo de Futebol marcada para 21 de novembro a 18 de dezembro.

Os Mundais de Esportes Aquáticos foram criados em 1973, e desde então, das 18 edições disputadas 15 aconteceram no período entre julho a setembro. A primeira edição foi em Belgrado, na antiga Iugoslávia entre 31 de agosto a 9 de setembro.

As três exceções de datas diferenciadas para o Mundial sempre aconteceram na Austrália, nas edições de 1991 em Perth, na Austrália, entre 3 a 13 de janeiro, em 1998, novamente em Perth, e em 2007, no Mundial de Melbourne que foi de 18 de março a 1o de abril.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.