Duas estrelas da nova geração anunciaram que irão defender as cores da Universidade de Louisville a partir da temporada 2021/2022. A nadadora Fernanda Celidônio do Minas Tênis Clube e Gustavo Saldo do Clube Curitibano são os dois novos brazucas que irão ingressar na equipe comandada pelo único treinador brasileiro que comanda uma equipe da Divisão I do NCAA, Arthur Albiero.

 

 

Celidônio e Saldo se juntam a Murilo Sartori da Natação Americana que também ingressa na temporada 2021/2022 após a mudança da data dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Os três ainda vão ter duas temporadas com Maria Eduarda Sumida que estará no seu chamado “júnior year”, ou o terceiro ano de elegibilidade.

 

 

No ano passado, os três, Celidônio, Saldo e Sartori fizeram parte da Seleção Brasileira que participou do Campeonato Mundial Júnior em Budapeste. Sartori foi bronze nos 200 metros nado livre, Celidônio chegou a semifinal nos 50 metros costas e Saldo terminou em 11o lugar nos 200 borboleta.

Celidônio e Saldo ainda não assinaram as suas cartas de comprometimento, isso só acontecerá a partir de novembro. Agora, é o chamado “comprometimento verbal”, bastante considerado e respeitado dentro do processo de recrutamento de atletas pelas universidades do NCAA.

 

 

Fernanda Gomes Celidônio nasceu em Brasília em 4 de maio de 2003, é filha de nadadores, teve uma carreira brilhante no processo de desenvolvimento na ASBAC Aquanaii  em Brasília e desde o ano passado faz parte da equipe do Minas Tênis Clube. No ano passado, na sua participação em Mococa, Celidônio se tornou na primeira mulher a ser tetra campeã em duas provas (100 costas e 200 medley). Suas melhores marcas pessoais:

50 costas – 28.92
100 costas – 1:02.43
200 costas – 2:17.43
200 medley – 2:18.49
50 livre – 26.93
100 livre – 59.01

 

 

Gustavo Francisco Saldo, natural de Curitiba em 24 de fever de 2003. Começou na Academia Gustavo Borges mas desde as categorias menores foi sucesso no Clube Curitibano. Explodiu na categoria infantil fazendo parte da equipe que chegou ao inédito título do clube ao vencer o Troféu Maurício Bekenn de 2017 em Porto Alegre. Depois de pouco mais de um ano sob o comando do treinador Rodrigo Felipe, voltou a treinar com Diego Pena, seu técnico na categoria infantil. Suas melhores marcas pessoais:

100 livre – 51.98
200 livre – 1:50.13
400 livre – 3:56.06
800 livre – 8:10.09
1500 livre – 15:43.29
100 borboleta – 53.81
200 borboleta – 1:59.45

 

1 responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *