Mais três medalhas para o Brasil no terceiro dia de Paralimpíada em Tóquio, uma de cada cor. O ouro veio nos 50 metros nado livre classe S11 para Wendell Belarmino. Ele que havia sido campeão mundial em 2019 com 26.20 hoje ganhou a prova com 26.03 na sua estreia paralímpica.

Belarmino manteve a boa saída, uma de suas qualidades, mas desta vez tocou a raia duas vezes, e mesmo assim conseguiu assegurar a medalha de ouro, a segunda da natação paralímpica do Brasil em Tóquio.

 

Gabriel Bandeira

 

A prata foi de Gabriel Bandeira nos 200 metros nado livre chegando em segundo lugar com a espetacular marca de 1:52.74. A vitória foi de Reece Dunn da Grã-Bretanha com 1:52.40, e tanto Dunn como o brasileiro nadaram abaixo do antigo recorde mundial de Dunn com 1:52.96.

Foi uma melhora incrível de Bandeira que tinha 1:55.37, recorde das Américas, estabelecido há alguns meses no Campeonato Europeu.

Maria Carolina Santiago

O bronze foi a primeira medalha feminina do Brasil na competição. A pernambucana Maria Carolina Santiago ficou em terceiro lugar dos 100 metros costas com novo recorde das Américas marcando 1:09.18. Um recorde bastante expressivo pária oia apaga a marca da lendária nadadora Trischa Zorn, maior medalhista da história paralímpica de 1:09.89 e feita em 2009 na era dos trajes tecnológicos.

Vencedores e brasileiros:
100 costas S12 masculino – Ramnan Salei do Azerbaijão 1:00.30
100 costas S12 feminino – Hannah Russell da Grã-Bretanha 1:08.44
3o Maria Carolina Santiago do Brasil 1:09.18 novo recorde das Américas
100 costas S8 masculino – Robert Griswold dos Estados Unidos 1:02.55 recordé mundial
100 costas S8 feminino – Tupou Neiufi da Nova Zelândia 1:16.84
200 livre S14 masculino – Reece Dunn da Grã-Bretanha 1:52.40 recorde mundial
2o Gabriel Bandeira do Brasil 1:52.74 recorde das Américas
200 livre S14 feminino – Valeriia Shabalina do Comitê Russo 2:03.71
50 livre S11 masculino – Wendell Belarmino do Brasil 26.03
50 livre S11 feminino – Jia Ma da China 29.46 recorde mundial
50 borboleta S5 masculino – Tao Zheng da China 30.62 recorde mundial
6o Daniel Dias do Brasil 36.56
50 borboleta S5 feminino – Dong Lu da China 39.54 recorde mundial
4o Joana da Silva do Brasil 45.33
200 medley SM7 masculino – Mark Malyar de Israel 2:29.01 recorde mundial
400 livre S13 masculino – Ihar Boki de Belarus 3:58.18
400 livre S13 feminino – Anna Stetsenko da Ucrânia 4:23.92

Link para os resultados completos:
https://olympics.com/tokyo-2020/paralympic-games/en/results/swimming/paralympic-schedule-and-results-date=2021-08-27.htm

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *