Terminadas as Seletivas de natação (Brasileiros de Inverno) e águas abertas (etapas do Brasileiro de Tocantins e Brasília), definidas as Seleções Brasileiras e quatro nadadores terão trabalho duplo ao disputar as duas competições. Isabella Tramontana do Álvares Cabral, Matheus Sinicalschi do Círculo Militar, Cibelle Jungblut e Luiz Felipe Loureiro, estes dois do Grêmio Náutico União, serão estes nadadores que a Best Swimming apresenta em destaque.

Isabella Tramontana do Álvares Cabral

Atleta do técnico Alexandre Antunes já vem se destacando a nível nacional desde o Infantil I e que no Brasileiro Juvenil de Inverno foi a terceira nadadora mais eficiente da categoria Juvenil I. Venceu as provas de 1500 livre com recorde de campeonato e os 800 livre, além de três medalhas de prata. Nas águas abertas, foi vencedora da prova dos 5 quilômetros no Brasileiro de Brasília. Esta será sua primeira Seleção Brasileira.

Matheus Sinicalschi do Círculo Militar

Outro estreante em Seleções Nacionais, Sinicalschi vem evoluindo muito desde que ganhou o bronze nos 1500 livre do Brasileiro Infantil em Porto Alegre, em 2019. No Brasileiro Juvenil de Recife deste ano duas vitórias nos 1500 livre, baixando mais de 20 segundos, e nos 800 livre, melhora de mais de um minuto. Ele ainda foi bronze nos 400 livre. Na prova de águas abertas, foi o melhor na categoria levando a prova dos 5 quilômetros em Brasília. Faz parte da equipe do treinador João Bizerra no Círculo Militar desde a sua formação.

Cibelle Jungblut do Grêmio Náutico União

A mais experiente do grupo, integrante de outras seleções nacionais, Cibelle garantiu a vaga para o Sul-Americano de Lima no Perú ao terminar em segundo lugar nos 1500 livre do Brasileiro de Recife (17:18.03) e em quarto lugar nos 800 livre (9:05.61), ambas com melhores marcas pessoais. A vaga nas águas abertas veio na prova dos 10 quilômetros em Brasília onde venceu na categoria e terminou na terceira colocação na classificação geral. No sábado, ela fez dobradinha com a irmã, Viviane Jungblut, com as duas tomando os dois primeiros lugares dos 5 quilômetros do Brasileiro de Águas Abertas em Brasília.

Luiz Felipe Loureiro do Grêmio Náutico União

Junto com Cibelle treina com Kiko Klaser, faz parte do bom grupo de fundo e águas abertas do clube gaúcho. Revelado no Mato Grosso do Sul, Luiz Felipe fez um excelente Campeonato Brasileiro Júnior de Inverno em Recife, foi prata nos 400 livre (3:55.61), 800 livre (8:09.65) e 1500 livre (15:34.44) além de um terceiro lugar nos 200 livre (1:51.24) Todas as provas com melhor marca pessoal. No Brasileiro de Águas Abertas, conquistou o seu primeiro título nacional absoluto ao vencer a prova dos 10 quilômetros.

Programação:
O Campeonato Sul-Americano Juvenil dos Esportes Aquáticos acontecerá em Lima, no Perú. As provas de águas abertas serão de 2 a 5 de novembro na praia de Chorrillos, na frente da sede do Clube Regatas Lima, e a natação na piscina que serviu de sede dos Jogos Pan Americanos de 2019, na Villa Deportiva Nacional de 9 a 13 de novembro.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *