O francês Marc-Antoine Olivier, medalha de bronze na Olimpíada do Rio 2016, e prata no Mundial de Gwangju na prova dos 10 quilômetros é o mais novo integrante do clube Sub 15 nos 1500 metros nado livre. Os 14:55.19 feitos no final de semana, fazem de Olivier o quinto dos 10 classificados para a prova de águas abertas a nadar os 1500 livre abaixo da barreira dos 15 minutos.

Os cinco com marcas abaixo dos 15 minutos são:
Florian Wellbrock (14:36.18)
Marc-Antoine Olivier (14:55.19)
Jordan Willimovsky (14:55.03)
Gregorio Paltrinieri (14:33.10)
David Aubry (14:44.72)

Embora sejam provas distintas, em ambientes diferentes (águas abertas X piscina), a relação é inegável. Mais que isso, dos 10 classificados para as águas abertas, três também são os recordistas nacionais de seus países na prova dos 1500 livre:

Wellbrock da Alemanha, Paltrinieri da Itália e Aubry da França.

Veja a lista dos 10 classificados para a prova dos 10 quilômetros de Tóquio e suas respectivas melhores marcas pela ordem que se classificaram no Mundial de Gwangju:
1o Florian Wellbrock da Alemanha (14:36.18)
2o Marc-Antoine Olivier da França (14:55.19)
3o Rob Muffels da Alemanha (15:19.77)
4o Kristof Raszovsky da Hungria (15:08.86)
5o Jordan Willimovsky dos Estados Unidos (14:45.03)
6o Gregorio Paltrinieri da Itália (14:33.10)
7o Ferry Weertman dos Países Baixos (15:09.03)
8o Alberto Martinez da Espanha (15:40.53)
9o Mario Sanzullo da Itália (15:18.89)
10o David Aubry da França (14:44.72)

2 respostas
  1. Sandro
    Sandro says:

    A probabilidade de um nadador com tempos de 1500 m abaixo dos 15 min se dar bem nos 10000 m é grande, principalmente na finalização da prova. O melhor exempllo disso é o fenômeno Oussama Mellouli que foi Campeão Olímpico tanto nos 1500 m quanto nos 10000 m. Gregorio Paltrinieri ganhou também os 1500 m e os 10000 m na Unversíade e tenta repetir o feito de Mellouli nas Olimpíadas um vez que já foi Campeão Olímpico dos 1500 m e agora só falta o ouro nos 10000 m olímpcio.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *